Nem mesmo algumas quedas de energia e uma forte pancada de chuva no horário do meio dia deste domingo dia 15 de Novembro, impediram os eleitores Mangueirenses de exercer seu direito ao voto.

Durante todo o dia, a equipe do Cartório Eleitoral chefiada por Cléber Lara, o Promotor de Justiça DR Bruno Rinaldin e o meritíssimo Juiz Eleitoral DR Lúcio Rocha Denardin, com apoio da Polícia Mílitar, realizaram um trabalho intensivo de acompanhamento do pleito eleitoral tanto na cidade quanto no interior, garantindo uma eleição tranquila e sem maiores ocorrências

Na transmissão do Mang Mídia que foi recordista em audiência, Os primeiros boletins já apontavam o que iria acontecer no resultado final.

Por volta das 17h30 min, Mesmo sem fechar a totalidade de votos, o grupo do situação, composta pelo atual prefeito Elídio Moraes e o vice Leandro Dorini, já iniciava a comemoração que apontava vitória e consequente reeleição.

Ao final da apuração os resultados foram os seguintes :

Elidio Moraes foi reeleito prefeito em Mangueirinha totalizando 6.864 votos e 65,93%

O Candidato Agnaldo ficou em segundo com 3.261 votos e 31,32 %

Amós Ferreira do PL ficou em terceiro com 286 votos e 2,75 %

Os 3,603 votos de diferença do primeiro para o segundo colocado apuraram para elídio, a maior diferença de votos registrada na política mangueirense. Justo ele que no ano de 2000, após sua primeira gestão como prefeito, na ocasião, perdeu a disputa à reeleição, por uma diferença mínima de apenas 168 votos.

Vereadores

Um Problema nos computadores do Tribunal Superior Eleitoral, provocou o atraso na oficialização dos resultados para prefeitos e vereadores. Somente após às 22 horas, a população pode enfim saber o resultado definitivo para vereador.

Definido o coeficiente eleitoral, os eleitos foram;

Xandão Manelli, Candidato a vereador pela primeira vez, foi o mais votado com 604 votos

Em seguida, Vanderley Dorini do MDB fez 544 votos

Diego Bortokoski do PSB obteve 538 votos

O quarto vereador mais votado foi Edemílson santos – o Bonito do PSDB com 440 votos

Também do PSDB, e também candidato pela primeira vez, Daniel Enfermeiro fez 415 votos

Diogo Noll do PSDB obteve 397 votos

Cristhiano Serpa do PTB se elegeu com 379 votos

Ivete Agostini do MDB, confirmou sua reeleição com 356 votos

Walmir Giordani do PSB, também foi reeleito com 271 votos

Beto Vilmar com 265 votos, foi o terceiro mais votado do MDB e conseguiu se eleger

E fechando os 11 próximos legisladores municipais, Mussun do PDT se elegeu com 222 votos.

Após a divulgação do resultado final, uma grande carreata tomou conta das ruas da cidade.

Os próximos gestores assumem seus cargos no dia 01 de Janeiro de 2021.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here