Hoje irei contar um pouco sobre o Atleta de Futebol
Anderson Piva, que é natural de Coronel Vivida , situada
no Sudoeste do Paraná, com aproximadamente 23 mil
habitantes. Cidade essa que já foi um grande celeiro de
atletas, como Daniel Grando com passagens por vários
clubes do interior de São Paulo e pelo grande Corinthians
Paulista, Roberto Cavalo com passagens por Atlético
Paranaense, Criciúma, Botafogo RJ, Dirceu Freitas com
passagens pelo Internacional de Porto Alegre, Mogi Mirim
e Seleção Brasileira de Juniores, Eder Ferreira também tem
passagens pelo Internacional, Mogi Mirim, Portugal e
China. Márcio Trombetta ( Márcio Gaucho) passagens por
Grêmio, Atlético Mineiro, Portuguesa, Naval Portugal e Irã.
Coronel Vivida também foi destaque no Basquete
Feminino revelando a Atleta Karina Mezzomo, com
passagens por Ponta Grossa, Piracicaba SP e Seleção
Brasileira de novos.
Anderson Piva iniciou sua trajetória no futebol com
apenas 13 anos depois de passar nos testes do Coxa,
Coritiba F.C.

Foi levado para fazer os testes pela amiga da
Família Sueli Tortura, ex arbitra da Federação Paranaense.
Depois de ser aprovado, permaneceu no Clube por 3
anos. Com sua saída do Coxa, foi para o Mogi Mirim de
São Paulo, que na época era presidido pelo então Penta
Campeão Rivaldo. Anderson me contava que teve o
prazer de realizar alguns treinos com Rivaldo…fenômeno.
Pelo Mogi Mirim foram mais 4 anos onde em 2013
consagrou-se Campeão Paulista de Juniores.
Foi então que o Procurador italiano Marco Petrin, se
encantou pelo futebol demonstrado pelo Anderson e fez
a proposta de levá-lo para Itália para disputar a Serie D do
Campeonato Italiano , proposta essa que Anderson não
pensou 2 vezes.
Veio para Itália para defender as cores da equipe A.C
Este, mas o primeiro ano não foi como Anderson
imaginava, foi muito difícil sua adaptação, então com 20
anos Anderson toma a decisão de retornar para o Brasil.
Passaram 6 meses e Anderson recebe uma ligação de seu
ex técnico dizendo que havia trocado de equipe e queria
contar com ele novamente…Anderson então pela
segunda vez não pensa 2 vezes e retorna para Itália,
agora para defender a equipe Thermal Abano.
Anderson me conta que foi a melhor coisa que ele fez ter
retornado, pois fez novos amigos, acabou conhecendo
melhor a cultura Italiana, em suas palavras “ amigos que
fiz hoje posso dizer que são minha segunda família e que
eu aqui estou me sentindo em casa”.
Anderson acabou realizando um bom campeonato
naquele ano, já se passaram 5 anos de seu retorno.
Anderson teve passagem por mais 3 equipes Italianas,
Abano Cálcio, Longe de Castegnero e o atual USD
AURORA CAVALPOLICINA.
Atualmente Anderson vive em Padova, mas já está com
seu retorno quase certo para o Brasil ainda esse mês por
motivo do Covid-19 , que fez todos os campeonatos
pararem.
Anderson nessa temporada 2019/2020 já havia feito 14
gols, mas agora ele quer rever seus amigos e seus
familiares que já estão esperando ele em Coronel Vivida
no Paraná.
Anderson me disse “Agora estou esperando esse período
passar, enquanto isso vou para minha querida Coronel
Vivida estar perto de meus amigos e familiares”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here