Foto:Arte: Infoesporte

Principal nome da Juventus, que conquistou no domingo passado seu nono Campeonato Italiano consecutivo, o português Cristiano Ronaldo chegou, aos 35 anos, à marca expressiva de 30 títulos na carreira.

Dono de uma das trajetórias mais vitoriosas do futebol mundial, Cristiano Ronaldo soma três conquistas em duas temporadas com a Juve – dois italianos e a Supercopa da Itália em 2018.

A 31ª taça do astro português pode vir ainda nesta temporada. No dia 7 de agosto, a Juventus receberá o Lyon no jogo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões da Uefa, depois de ter perdido por 1 a 0 na França, em partida disputada antes da paralisação da temporada pela pandemia de Covid-19. Se passar, o time italiano disputará em Lisboa a fase decisiva da Champions, a partir do dia 12, quando começam as quartas de final.

Cristiano Ronaldo ainda está atrás, porém, do seu grande rival nos campos, o argentino Lionel Messi, dono de 33 títulos na carreira, todos pelo Barcelona, além de um ouro olímpico com a Argentina, não contabilizado como conquista profissional, por se tratar de um torneio com restrição de idade. O jogador mais vitorioso do futebol profissional é o lateral brasileiro Daniel Alves, do São Paulo, com 40 títulos oficiais.

Cristiano Ronaldo conquistou títulos por todos os clubes que defendeu, incluindo o Sporting, onde foi revelado. Aos 17 anos, a jovem promessa do clube de Lisboa estava no banco de reservas na goleada por 5 a 1 sobre o Leixões, na final da Supertaça de Portugal, em 2002.

O clube onde ele mais levantou taças foi o Real Madrid, com 15 conquistas em nove temporadas, seguido pelo Manchester United, com oito campeonatos em seis anos. O craque também liderou Portugal nos dois títulos da seleção principal do país, a Euro-2016 e a Liga das Nações 2018/19.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here